Robótica Brasil

Licenciamento para escolas

ROBÓTICA BRASIL 

Quando uma escola ou profissional liberal associa o seu nome a uma marca, diz a todos que abraça as causas que ela defende. Neste caso, Robótica Brasil é a marca que representa uma história de luta em favor da inclusão de todos para o aprendizado imediato das bases científicas e do ferramental das tecnologias emergentes.  Também é uma narrativa de conquistas, no ambiente escolar, das práticas pedagógicas realizadas em prol do protagonismo do aluno.

livros on demand

O licenciamento da marca pela instituição, confirma ser a aprendizagem favorecida pelos itinerários formativos percorridos nos  quatro eixos condutores de atividades do projeto.

SUPORTE@ONLINE

Todo o projeto proposto tem como plano basilar o currículo escolar: O desenvolvimento do projeto organiza e amplia os conceitos abordados nas disciplinas.

certificados

Os professores da entidade licenciada têm acesso frequente a oficinas e cursos de aperfeiçoamento docente.

robótica educacional  blender

Desenvolvendo projetos a partir de qualquer lugar!

1. preparação Aos professores

3. avaliação externa

O nome para Aprendizagem por projetos De Robótica

projetos em robótica educacional

As atividades presenciais

as atividades por interfaces

Ao solicitar o licença da marca, a instituição que o faz contribui para que o Instituto TJR Torneio Juvenil de Robótica torne-se cada dia mais robusto para realizar a sua missão

2. plataforma de monitoramento 

Preparar e dar suporte continuado a todos os professores da instituição que venham a atuar com o programa 

A prova individual do ENATER é uma atividade  sem consulta, com edição anual, composta de dez questões objetivas, que devem ser resolvidas durante uma hora, no colégio, sob supervisão de um responsável local. Essa avaliação serve de ferramenta para avaliar os alunos que cursam alguma disciplina que aborde os conceitos e as experiências da área da robótica e serve de instrumento ao professor para a avaliação do curso, além de fomentar a reflexão dos alunos e estimular a participação como membros de equipes e de eventos de robótica, como o TJR – Torneio Juvenil de Robótica – e a OBR – Olimpíada Brasileira de Robótica.
A avaliação visa a estimular o interesse investigatório e exploratório, levar o aluno a questionar, pensar e procurar soluções, a sair da teoria para a prática e usar ensinamentos obtidos em sala de aula, na vivência cotidiana e nos relacionamentos.  São introduzidos conceitos de física, como os diferentes tipos de força, movimento, velocidade, equilíbrio, aerodinâmica e hidrodinâmica de uma maneira alegre e divertida.

As provas individuais auxiliam os alunos a refletirem sobre os conceitos que empregaram nas atividades realizadas em equipe

A RoboLeague é uma plataforma de monitoramento com acesso aberto e gratuito que favorece o acompanhamento a distância da performance do robô

A plataforma da RoboLeague foi criada para tornar o conceito de distância obsoleto para projetos de construção de protótipos de robôs. Em 2020, quando da sua criação, centenas de equipes brasileiras situadas a milhares de quilômetros de distância entre si puderam testar os seus robôs e, de igual maneira, fizeram equipes de alunos de outros países.

Professores e alunos são incentivados a empregar este instrumento de avaliação formativa tanto por constar do International Ranking of Robots by RoboLeague quanto por poder de participar de eventos online com os seus protótipos de  robôs.

itinerários 

plano pedagógico

O programa produz livros e vídeos sob demanda para atender necessidades específicas do licenciado..

Os certificados acadêmicos têm a chancela da Escola Pública de Robótica.

em que implica o licenciamento? 

Independentemente da área de atuação do professor licenciado, o Instituto TJR Torneio Juvenil de Robótica, através da Escola Pública de Robótica, estabelecerá um calendário anual de cursos e oficinas no ato do licenciamento do programa.

O objetivo é estabelecer e manter um grupo de estudo e formação continuada capaz de explorar o máximo das potencialidades da aprendizagem baseada em projetos de robótica educacional, empregando multiplataformas para a integração de conhecimentos de mecânica, eletrônica, computação aos das demais disciplinas escolares.

É importante ressaltar que o programa não oferece, promove, privilegia ou limita o uso de qualquer marca de kits de robótica.

Divulgar projetos exitosos e realizar a prática dialógica para construir planos pedagógicos permeáveis à curiosidade do aluno

As provas em grupo auxiliam a equipe a reelaborar os conceitos empregados para a superação dos problemas durante o projeto de construção do protótipo

Avaliação individual

Avaliação em grupo

A prova é anual e visa a avaliar a capacidade de aplicação de conceitos envolvidos com a prática da robótica, o estágio de desenvolvimento de habilidades requisitadas para a compreensão e atuação diante de novos problemas típicos dessa área de conhecimento e, principalmente, o desempenho das competências da equipe frente à necessidade da tomada de decisões. A prova apresenta problemas típicos daqueles que se oferecem às equipes nos desafios práticos do TJR  e em outras competições nacionais e internacionais, para que as soluções oferecidas, por parte da banca proponente do exame, às situações decorrentes desses problemas, possam ser apreciadas e valoradas pelo aluno. Nesse modelo de avaliação, o desempenho da equipe candidata ao exame decorre do discernimento criterioso das melhores soluções apresentadas aos problemas e a sua capacidade de descartar as piores soluções.